Sobre o curso

O design é uma atividade estratégica para o desenvolvimento social e industrial, surgiu no contexto da revolução industrial e no auge da revolução modernista. Sua primeira função foi estabelecer ordem na produção de bens de consumo, direcionando a “projetação” e produção para o sujeito, em oposição à produção não sistematizada, que pensava o produto para a linha de produção ou equipamentos, negligenciando seu objetivo principal, o aspecto funcional. Essa nova forma de pensar a produção de bens de consumo trouxe enormes benefícios sociais, mercadológicos e industriais, relegando ao design o status de atividade promotora de revolução e desenvolvimento.

Atualmente a revolução dos meios digitais e as demandas por comunicação colocaram o design em uma posição estratégica. Todos os setores que veiculam em meio impresso ou digital, que visam comunicação de massa, têm no designer o elemento principal de planejamento e implementação da produção. Em Goiânia a indústria gráfica estabelecida conta com 505 empresas em atividade, gerando 3.800 empregos diretos e 1.500 indiretos, cuja produção atende as editoras, agências de publicidade, agências de design, empresas, educação, comunicação social, governamental, estatal e municipal. A produção encontra-se distribuída da seguinte forma: comércio 60%, governo 20% e editorial 20% (fonte SIGEGO – Sindicato das Indústrias Gráficas de Goiás).

O planejamento dessa vasta produção, na maioria das vezes, é executado por pessoas que dominam apenas as ferramentas ou aplicativos de layout, que atuam sem domínio de metodologia, sem conhecimento dos processos de comunicação e sem preocupação com a correta aplicação de recursos na tecnologia de reprodução. Essa atuação empírica, não sistematizada, é responsável pela maioria dos objetos de comunicação que chegam à mão do cidadão. Os objetos oriundos dessa mecânica de produção geralmente são ineficientes, caros e alienados de nossa cultura.

A internet, a mais recente revolução nos meios de comunicação, está assumindo a função de coordenar uma convergência de mídias: televisão, rádio, jornal e telefone, tudo isso concentrado em um terminal de computador. A interatividade cria um novo paradigma nos meios de comunicação de massa, ao colocar o individuo em posição de interferir de forma dinâmica nos conteúdos expostos, o que não era possível nas mídias convencionais. Nesse ambiente cada indivíduo é simultaneamente emissor e receptor de informações. A internet assume um papel estratégico entre os meios de comunicação. A consequência é uma demanda crescente de serviços para desenvolvimento e gerenciamento de web sites, portais, intranet e comércio eletrônico.

Da mesma forma que o setor de impressos, a produção dos objetos de comunicação da internet encontra-se, na maioria das vezes, nas mãos de pessoas com formação superficial e atuação empírica, produzindo os mesmos problemas mencionados anteriormente.

O design gráfico exercido por profissionais qualificados, com amplo domínio de metodologias, aplicativos, conhecimentos da cadeia produtiva e com bagagem crítica e cultural deverá potencializar os esforços de comunicação, afetando positivamente os setores de meio impresso e digital. Na dinâmica de planejamento de design, em ambiente profissional, há sempre a preocupação em usar referências indiciais e simbólicas da cultura e dos costumes regionais ou nacionais (sempre orientado pela problematização), com evidentes benefícios para a identidade cultural, regional e nacional.

O estabelecimento de um curso de Graduação em Tecnologia de Design Gráfico, em Goiânia, trará enormes benefícios para a cidade e para a região. As indústrias gráfica e editorial, a comunicação social, o mercado de bens de consumo e a comunicação nos meios digitais poderão contratar pessoal qualificado, com domínio da tecnologia, com conhecimento dos processos de comunicação e com responsabilidade ética e social.

Objetivos Gerais

O curso de Graduação em Tecnologia de Design Gráfico tem como objetivo formar designers tecnólogos competentes para atuar no planejamento, desenvolvimento, editoração e publicação de objetos de design gráfico em meios impressos e digitais. Desenvolverá profissionais capazes de relacionar corretamente o design a produtos e serviços, adequando-os aos conceitos de informação e comunicação, atendendo as exigências da indústria e do mercado com o foco da atuação voltada para responsabilidade social.
Visa constituir competências pela correta aplicação dos princípios metodológicos e científicos e embasar atuação profissional em uma perspectiva humanista, baseada na ética profissional. O objetivo é formar designers gráficos com características de empreendedores de projetos autônomos ou empresariais.

Objetivos Específicos

  • Formar profissionais de design capacitados para apresentar soluções viáveis e socialmente responsáveis.
  • Levar o conhecimento acadêmico e cientifico do design ao setor produtivo que com ele se relaciona ou dele dependa.
  • Qualificar e conscientizar profissionais que já atuam na área, sem a preparação cientifica e formação acadêmica.
  • Elevar o conceito dos cursos de educação profissional tradicionalmente ministrados pelo Senac Goiás, fortalecendo sua imagem e ampliando sua missão.
  • Proporcionar um ensino em sintonia com o desenvolvimento local e com a abrangência e universalidade que se fizerem necessárias.
  • Fomentar pesquisa e investigação cientifica nos setores de Produção de Design, buscando soluções de repercussão positiva para a sociedade;
  • Potencializar, com a correta aplicação do design, os esforços de comunicação do mercado e dos setores sociais, elevando o nível dos objetos de comunicação impressos e eletrônicos.
  • Fomentar a responsabilidade e a ética na aplicação dos recursos financeiros destinados a objetos de design gráfico, influenciando positivamente a indústria gráfica já instalada na região, elevando e aprimorando seu padrão de qualidade para impressos.

Egresso

O egresso do Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico da Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás, agrega conhecimentos e competências essenciais para atuação profissional como designer gráfico.

No curso o desenvolvimento da competência técnica é trabalhado desde o primeiro módulo,a partir dos exercícios de aprendizagem, em queos estudantes são submetidos às exigências de metodologia e parâmetros projetuais de exeqüibilidade e equilíbrio da relação custo benefício.Através de conhecimentos multidisciplinares como história, teoria da comunicação, ecologia, sociologia (etc.), o egresso desenvolve o senso crítico para exercer a profissão com inteligência, éticae responsabilidade.Portanto, o consórcio entre as competências tecnológicas e os conhecimentos teóricos representa os fundamentos do projeto pedagógico do curso e o perfil do egresso.

Nesse contexto, resguardando os desvios oriundos das idiossincrasias, definimos o perfil do egressotecnólogo em Design Gráfico,da Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás, como um sujeito que possui capacidade para:

  • Atuar de forma ética, pautado pela legalidade e responsabilidade social;
  • Atuar em equipes multi e interdisciplinares, capaz de adaptar-se à dinâmica do mercado e da sociedade;
  • Compreender as particularidadesdo sujeito, das linguagens, tecnologias, materiais e meios de publicação dos objetos de design.
  • Articular conceitos para análise, crítica e diagnóstico de problemas relativos à planejamento, produtos ou objetos de design gráfico;
  • Propor arranjos, leituras e aplicações inovadoras aelementos de repertórios culturais e lingüísticos variados;
  • Lidar com os desafios da estética no campo do Design Gráfico e da comunicação visual;
  • Parametrizar reprodução ou publicação de objetos de design gráfico de tecnologias e meios diversos;
  • Formular processos tecnológicos e propor soluções inovadoras para problemas peculiares ou afins ao design gráfico.
  • Desenvolver idéias inovadoras e ações estratégicasno campo das linguagens e da tecnologia – ampliar e aperfeiçoar sua área de estudo e atuação.
  • Pesquisar e atualizar seus próprios conhecimentos e competências, seguindo parâmetros de metodologia acadêmica.

Infra-estrutura

O curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico conta com uma moderna estrutura aparelhada para atender ao Projeto Pedagógico do Curso.

São disponibilizados aos alunos:

  • Sala de Aula Climatizada com acesso a Internet e Projetores Multimídia
  • Laboratórios de Informática com Computadores IMAC
  • Laboratórios com Pranchetas
  • Auditório
  • Lousa Interativa
  • Biblioteca
  • Plotter de recorte
  • Plotter de Impressão de grande formato
  • Impressoras de médio formato (A3)

Organização curricular 2012
Organização curricular 2017